""

Perguntas Frequentes sobre Sinais de Pele

1

É possível prevenir o aparecimento de sinais de pele?

Nem sempre é possível, uma vez que podem aparecer por razões genéticas.

Quanto aos que resultam da prolongada exposição solar, o seu aparecimento pode, eventualmente, ser prevenido se evitar os picos de radiação solar (entre as 11h e as 15h), se usar protetor solar durante todo o ano e outras proteções como chapéus e se evitar os solários.

2

Os sinais da pele podem desaparecer sem tratamento?

Assim como algumas destas lesões podem alterar-se em certos aspetos com o tempo, outras também podem desaparecer, ainda que lentamente, ou desvanecer. Contudo, se notou que um sinal desapareceu e se, antes disso, tinha identificado alguns dos sinais de alarme acima descritos, deve na mesma procurar ajuda.

3

Como ter a certeza se o sinal é maligno ou benigno?

Só um médico dermatologista pode confirmar através da observação. Ainda assim, ter a certeza só é possível analisando o tecido em questão e as células que o constituem. Com o método de tratamento por excisão, é possível realizar um estudo anatomopatológico da lesão, a fim de averiguar a sua natureza benigna ou maligna.

4

A cicatriz resultante do tratamento é para toda a vida?

Fruto da excisão, da sutura e da posterior retirada dos pontos forma-se uma cicatriz. De modo geral, o seu aspeto tende a melhorar com o tempo, mesmo que possa não desaparecer totalmente. Ainda assim, os cuidados no pós-operatório podem ajudar a disfarçar, entre os quais a hidratação da zona e a aplicação de protetor solar de fator elevado na área (se for exposta).